“Debaixo dos Arcos” foi, e ainda é, o primeiro blogue não virtual de Aveiro. Espaço de encontro, “tertúlia” espontânea, “diz-que-disse”, fofoquice pegada, críticas e louvores, ..., é uma zona nobre da cidade, marcada pela história e pelo tempo, onde as pessoas se encontram e conversam sobre "tudo e nada": o centro do mundo...

20 setembro 2009

O seu a seu dono...


A Câmara Municipal de Aveiro vai poder usufruir e gerir de um dos seus maiores valores patrimoniais: a Ria de Aveiro (canais urbanos).
Conforme informa o JN: 10 anos, com possibilidade de renovação do protocolo por períodos de cinco anos.

3 comentários:

Terra e Sal disse...

Ainda bem Caro Miguel.
Creio que são 4 ministérios que "titulam" a Ria e cento e tal instuições que têm voto na matéria no que lhe diz respeito.
Já era tempo da nossa Câmara "tomar conta" dos canais da cidade, Alberto Souto lutou por isso.
É que, só para cumprir as burocracias para fazer seja o que for na Ria, a desgraçada passa da agonia para a morte que é o que lhe está a acontecer um pouco por todo o lado.
Boa semana

Migas "das Arábias" (miguel araújo) disse...

Caro amigo...
Perfeitamente de acordo. A Ria merece melhor tratamento e atenção. É a nossa maior riqueza patrimonial.
Esperemos por uma verdadeira "libertação" das águas dos nosso canais.
Boma Semana também para si.

Japinho disse...

Não sei se ria se chore, então e o dinheiro vem de onde?
É que se tratarem a ria como tratam as ruas, não sei não. Eu para chegar a casa parece que atravesso um campo de minas no Afganistão e atenção que pelos valores de IMI é zona de luxo.